................
16. Setembro.2019

Partido Conservador em ascensão...

Último "Ponto de vista" -
- Arquivo de "Pontos de vista", e de outros documentos: ver a partir daqui.
Lista de "Semimórias": a partir daqui.

"Ponto de vista": Brexit: os verdadeiros propósitos de BorisDom.


     "Ponto de vista": Brexit: os verdadeiros propósitos de BorisDom.

Se analisarmos o que tem ocorrido no Reino Unido desde que Boris Johnson foi designado primeiro-ministro chegamos à conclusão de que Boris e o seu inefável Rasputine de nome Dominic Cummings apenas pretendem concretizar um objetivo: a conquista do Poder.

O primeiro passo consistia em estabelecer solenemente o objetivo de ter o Reino Unido fora da União Europeia a partir de novembro do corrente ano.

Para tal era preciso neutralizar o Parlamento de modo a impedir que este órgão de soberania decidisse solicitar mais um adiamento do prazo acordado para a saída.

Assim, recorreu ao discutível artifício de aumentar o clássico período de suspensão da actividade parlamentar antes do tradicional discurso da Rainha aquando do fim de uma legislatura,

Mas tal não impediu o Parlamento de legislar, antes da suspensão, no sentido de proibir qualquer pedido de aumento do prazo para a saída da União.

E após chocantes episódios no Parlamento, após rejeição de eleições antecipadas - manobra com que Boris contava para assumir já o pleno poder através do que julgava vir a ser uma inequívoca maioria que lhe permitiria impor à União Europeia a aceitação das suas condições, Boris recua, e irá de chapéu na mão tentar um acordo de saída em que procurará disfarçar as cedências a que será obrigado, apresentando-as como se fossem estrondosas vitórias.

Que os britânicos, cansados do humilhante folhetim perante o mundo, e em particular perante a União Europeia, aceitarão, dando-lhe uma maioria que lhe permitirá compor a seu bel-prazer os inconvenientes da cedência, desculpando-se com uma suposta "arrogância" da União...

"Que importa a União Europeia, que importa mesmo que o Reino deixe de ser Unido, se o que verdeiramente importa é eu estar em Downing Street ?".

E amanhã lá estará no Luxemburgo (servil e dúplice como D.Cameron o caracteriza em livro ontem publicado) , disposto a tudo engolir desde que adequadamente disfarçável, para anunciar uma Brexit com acordo dentro do prazo previsto - e ir pressurosamente passar o "control" ao Donald, que o gratificará generosamente com duas ou três "great and tremendous" frases matinais...

(Sondagem já após a suspensão do Parlamento indica uma inequívoca e crescente maioria do Partido Conservador...).

Pobre Reino.

15.Setembro.2019





................
15. Setembro.2019

Talvez para desviar atenções aos seus problemas, Boris propõe uma ponte entre a Escócia e a Irlanda do Norte ("só" 14 mil milhões de Euros...)

Último "Ponto de vista" -

O aquecimento do planeta e a economia mundial.

- Arquivo de "Pontos de vista", e de outros documentos: ver a partir daqui.
Lista de "Semimórias": a partir daqui.